Testemunho de Joélia Campina

Em dezembro de 2016, fui fazer exame de prevenção e a enfermeira detectou um resultado que não estava bem. Então ele me encaminhou para um especialista em Pacajus.

Estando lá, era uma quarta-feira, dia em que a Comunidade Paz e Bem faz adoração, quando recebi o resultado do especialista que me revelou um câncer no colo do útero:

– “Dona Joélia, me desculpe mas a senhora está com câncer”. Saindo de lá com essas palavras muito duras e outras que também achei severa demais quando me revelou que se tratava de algo gravíssimo.

Muito atordoada e sem chão, encontrei a Dona Fátima, também do ministério de interseção como eu, que me vendo não muito bem, me amparou com força e dedicação. Senti nela o amor de Deus fortemente.

No mesmo dia, as 18 horas, D. Damiana da intercessão, sendo usada pelo Espírito Santo, teve uma visão durante a oração do ministério. Ela viu uma ferida exposta, onde Jesus estava, jorrando sangue e água, lavando e purificando e purificando o estava exposto. E por fim, ela via que a ferida estava sendo fechada.

No dia seguinte, fui a igreja Matriz rezar e lá me derramei aos pés do Senhor. Liguei pra Jaqueline, que me escutou e me disse: -“se acalme Joélia, Nossa Senhora está contigo e ela  não vai te desamparar”. Essas mesmas palavras ouvi na rádio Dom Bosco a tarde.

Saindo da Matriz, encontrei-me com Damiana, que falou o que tinha acontecido na intercessão.

Fiz a biópsia nesse dia e recebi o resultado 15 dias depois: “suspeita de tumor maligno”, mas também havia uma observação para que o exame fosse repetido.

No dia seguinte ao resultado, fiz outra biopsia, que recebi 10 dias depois com o resultado diferente. Tudo estava normal, não havia mais sinal de câncer no colo do útero. Assim tive a confirmação que realmente o Senhor fez em minha vida nessa situação utilizando de minha fé e da fé dos meus irmãos.

Agradeço muito a Dona Fátima e ao Seu Raimundo que foram como pai e mãe.

Louvado seja Nosso Senhor Jesus Cristo, para sempre seja louvado.

 

Assina: Joélia Campina.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *